ZV1WAB – no AVHFC a 2.220mts. de altitude!

Senhores,

Estávamos desfazendo as malas e recuperando o oxigênio. Afinal operar no alto do Mirante do Lajão, a 2220m de altitude precisa-se de aclimatação para retomar as atividades normais. hi hi Dois sedentários…

De última hora o carro do Werther apresentou um problema e precisamos ir num Celta. Um carro pequeno para a quantidade de tralhas necessárias para participar de um conteste desta monta. Então tivemos que redimensionar a quantidade de equipamentos.

De antenas levamos:

01 GP9 – Antena que nos forneceu todos os recordes de longa distância do GECRE em VHF e UHF.

Considero uma antena indispensável. Pode não ser melhor que uma direcional, mas para uma estação a ser caçada como era a nossa estratégia atende muito bem.

01 Vertical de Fio para 06 metros – Antena de fácil montagem…

01 dipolo de meia onda para 06 metros – Para tentar também polarização Horizontal… Atendendo a insistentes pedidos… kkk

De Equipamentos:

01 TS-570s – Para operação em 6 metros;

01-FT-857 – Para Operação em 2 metros;

01 Amplificador Bilinear – Signal Scope;

01 Pré-Amplificador para 6 metros- Palomar Engineers;

01 Fonte de 30 Ampéres Genérica

01 Fonte de 23 Ampéres

01 Gerador a Gasolina 4 tempos – TG-1200 CX

Bom se chegamos ao limite da estratégia da “Raposa a ser caçada”, teremos que repensar o que levaremos e como faremos para as próximas empreitadas. Um carro 1.0 não aguentará levar os equipamentos necessários. Um exemplo são as direcionais de 7 elementos cofazadas para VHF…

Também é muito trabalhoso para duas pessoas. E sinceramente eu não sei se existem mais loucos dispostos e saírem de suas casas aqui na Grande Vitória e encarar uma viagem de 05 horas para participar de um conteste.

Desta forma entendo que estamos operando no limite. Fizemos o que estava ao nosso alcance. Foram poucos contatos (aproximadamente uns 32 em VHF) com 8 grids trabalhados, sendo eles: GG43, GG52,

GG54, GG67, GG77, GG79, GG87, GG88. Infelizmente nada da 9º região, embora tenha acontecido um boato na manhã de domingo de que os amigos haviam chamado na QRG.

Duas situações lamentáveis aconteceram em nossa operação no Parque Nacional do Caparaó. A primeira delas foi um link dessa praga de Echolink em 144.510 durante toda a tarde de sábado (retransmitindo a conferência BRA). Uma total falta de ética operacional e desrespeito com o evento. Vale ressaltar que mantenedor desse link deve ter um conhecimento pífio sobre legislação pois de acordo com a Resolução 452 o segmento de 144500-144600 é destinado a sinais fracos de FM simples. E sinais fracos para qualquer Radioamador que se preze é DX!

Outro inoportúno foi a operação de Jipeiros em viagen à Minas Gerais, fazendo ponto-a-ponto em 144.500 (o mesmo relatado anteriormente – falta de ética, respeito etc…). Mesmo solicitando os mesmos para fazerem QSY, fomos simplesmente ridicularizados e ignorados.

Mas no geral, ficamos muito contentes em poder falar mais com estações da 5º região e firmar nossos laços com os amigos da 1º e 2º. Um ponto mais que positivo positivo foi um spot que PY3NZ fez sobre nosso sinal:

PY3NZ – ZV1WAB 144500.0 – Escutado em GG40 1153z 07 May

Um grande abraço e que venha a edição de Primavera!

PU1BRA – WERTHER

PU1ARE – RENAN

ZV1WAB TEAM

http://www.gecre.org/

  1. Deixe um comentário

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: